Seguir por e-mail

segunda-feira, 13 de junho de 2011

Forum: Namorando alguém do Trabalho

http://www.culturalivre.net/
As organizações de trabalhos se diferenciam por vários fatores: tipo de negócio, ramo de atividade, estrutura organizacional, cultura, princípios e valores. Algumas empresas tem regras rígidas que devem ser cumpridas a qualquer custo, outras são flexíveis dando mais autonomia para seus funcionários e outras ainda não ligam se as pessoas estão cumprindo ou não as regras.

O Namoro entre Colaboradores sempre foi tema de discussão no mundo do trabalho, tem organizações que não se importam, desde que isso não prejudique as funções desempenhadas pelo casal; outras não se importam desde que o casal não sejam subordinados um ao outro (Gerente e colaborador por exemplo); outras ainda não permitem para que não haja prejuízo no trabalho.

E na sua organização, é liberado namorar alguém do trabalho? O que você acha disso?

Obrigada pela Participação!!!


quarta-feira, 8 de junho de 2011

Eu Quero e Desejo Existir


http://jacques-manz.blogspot.com/
É preciso dizer não a si mesma...
Às fantasias que perturbam...
Acreditar mais em si...
Calar mais...
Sair da defensiva...
Parar de se punir...
De demonstrar fragilidades ao outro...
De ter pena de si mesmo...
De se culpar por tudo...
Chega de dar explicações...
Logo se sentindo culpada... Mesmo que não seja...
Experimentar ficar quieta...
Não colocar-me mais em situações que não desejo...
Chega de medo...
De dar poder aos outros...
De me desmerecer...
De sentir-me sempre errada...  quando me desconsiderarem...
Raciocinar...  e não me desconsiderar também...
Reagir às agressões quando necessário...
Não dar informações desnecessárias...
Não submeter-me ao outro...
Não mais adotar o sofrimento como modo de vida...

Poema de Giseli Santos Pires - Psicóloga Clínica.

quarta-feira, 1 de junho de 2011

Escrever

Comemorando 1 ano do Blog Psicorienta, segue um poema:

ESCREVER é paixão, é doçura, é mostrar ao outro um pouco da nossa loucura.

ESCREVER é imaginar, é criar, é fazer palavras dançar.

ESCREVER é viver, é querer, mas principalmente é saber.

ESCREVER é entender, é conhecer, é também permitir aprender.

ESCREVER é buscar, é pesquisar, é encontrar as palavras certas para digitar.

ESCREVER é bom, é ação, é eternizar uma emoção.

ESCREVER é possível, é incrível, é trazer a discussão aquilo que parece indiscutível.

ESCREVER é arte, é vício, é tornar fácil o difícil.

ESCREVER é mágico, é encantador, é colocar em palavras o amor.

Obrigada por todos que compartilharam comigo cada texto escrito aqui. Sem os amigos leitores não haveria graça alguma ESCREVER. Valeu!!!